Tam.Texto

Subrepresentação da Sociedade no Parlamento


Add this to your website

No Brasil, nem todos os segmentos da população são percebidos como portadores dos mesmos direitos. Isso fica evidente quando se trata do direito político de ser eleito para o Poder Legislativo. A maioria das cadeiras do Congresso Nacional é ocupada por homens brancos que fazem parte de uma elite econômica. Essa distribuição quase que exclui por completo afrodescendentes, indígenas, mulheres, homossexuais, entre outros grupos. O TV INESC sobre “Subrepresentação da Sociedade no Parlamento”, gravado durante seminário da Câmara dos Deputados, entrevistou um especialista e representantes desses segmentos, a fim de questionar essa exclusão e levantar sugestões para a resolução deste grave déficit democrático.